Blog sobre OJS e Periódicos Eletrônicos

Acessibilidade: garantia de acesso a todos, sem excessões

whatsapp

A web é fundamentalmente projetada para fornecer acesso e oportunidades iguais para pessoas com habilidades diversas, independentemente do hardware, software, idioma ou localização. A Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência reconhece o acesso às tecnologias de informação e comunicação, incluindo a web, como um direito humano básico.

Quando sites, aplicativos, tecnologias ou ferramentas alcançam este objetivo, eles contribuem para tornar a web acessível a pessoas com uma ampla gama de capacidade auditiva, movimento, visão e cognitiva. As barreiras à comunicação são removidas e o impacto da deficiência é radicalmente alterado na web.

Do contrário, quando estes recursos não são projetados de maneira acessível, as barreiras à comunicação e à interação que muitas pessoas enfrentam no mundo físico acabam ocorrendo também no ambiente que deveria, fundamentalmente, garantir o acesso a qualquer pessoa.

Importante para empresas, indivíduos e a sociedade

O conhecimento das técnicas de acessibilidade são fundamentais para desenvolvedores e organizações que desejam criar sites e ferramentas da web de alta qualidade e que não impeçam as pessoas de usarem seus produtos e serviços.

Tornar a web acessível beneficia indivíduos, empresas e a sociedade. A acessibilidade apóia a inclusão social de pessoas com deficiência e de outras pessoas, como idosos, pessoas em áreas rurais e pessoas em países em desenvolvimento. Ela também beneficia pessoas sem deficiência.

O vídeo "Web Accessibility Perspectives" mostra exemplos de como a acessibilidade é essencial para pessoas com deficiência e útil para todos em uma variedade de situações.

Portadores de necessidades especiais ou não

A acessibilidade da web abrange todas as deficiências que afetam o acesso à web, incluindo:

  • auditivo;
  • cognitivo;
  • neurológico;
  • físico;
  • discurso;
  • visual.

A acessibilidade na web também beneficia pessoas sem deficiência, por exemplo:

  • pessoas que usam telefones celulares, relógios inteligentes, TVs inteligentes e outros dispositivos com telas pequenas, modos de entrada diferentes etc.;
  • idosos com habilidades mutáveis ​​devido ao envelhecimento;
  • pessoas com "deficiências temporárias", como um braço quebrado ou óculos perdidos;
  • pessoas com "limitações situacionais", como luz solar intensa ou em um ambiente onde não podem ouvir áudio;
  • pessoas que usam uma conexão de Internet lenta ou que têm largura de banda limitada ou cara;

Acessibilidade e Usabilidade

Usabilidade é o termo utilizado para se referir à facilidade com que os usuários lidam com uma interface, dispositivo ou ferramenta. Ela tem por objetivo facilitar a experiência do usuário na interação humano-computador, simplificando as atividades necessárias nessa relação.

A acessibilidade concentra-se, principalmente, nas pessoas com deficiência. Muitos requisitos de acessibilidade melhoram a usabilidade para todos, especialmente em situações de limitação. Por exemplo, fornecer contraste suficiente beneficia as pessoas que usam a web em um dispositivo móvel sob luz solar intensa ou em um quarto escuro. As legendas beneficiam as pessoas em ambientes barulhentos e silenciosos. Algumas pessoas têm limitações funcionais relacionadas à idade e podem não identificá-las como “deficiência”. A acessibilidade também aborda essas situações.

A acessibilidade na web abrange requisitos técnicos, que se relacionam diretamente com o código, e requisitos relacionados à interação do usuário e design.

  • Requisitos técnicos se relacionam ao código e não à aparência visual. Eles garantem que os sites funcionem bem com tecnologias assistivas. Isso inclui leitores de tela que leem o conteúdo em voz alta e ampliadores de tela que aumentam o conteúdo. O software de reconhecimento de voz usado para inserir texto é outra forma de tecnologia de assistência. Esses aspectos normalmente não são um foco de pesquisa e prática de usabilidade.
  • Requisitos relacionados à interação do usuário e design visual. O design inadequado pode causar barreiras significativas para pessoas com deficiência. É por isso que eles estão incluídos. Por exemplo, instruções compreensíveis e feedback para formulários e aplicativos de sites são uma boa usabilidade. Eles também ajudam pessoas com deficiências cognitivas e de aprendizagem. Sem esses requisitos, algumas pessoas com deficiência podem ser excluídas do uso da web.

Conclusão

Profissionais de acessibilidade e pesquisadores podem incorporar técnicas de usabilidade para melhorar a 'acessibilidade utilizável'. Os designers e pesquisadores da experiência do usuário podem incorporar acessibilidade para fazer seus projetos funcionarem melhor para mais pessoas em mais situações. Abordar a acessibilidade, a usabilidade e a inclusão em conjunto pode levar a uma Web mais acessível, utilizável e inclusiva para todos de maneira mais eficaz.

Referências

ACCESSIBILITY. W3C: World Wide Web Consortium, 2021. Disponível em: <https://www.w3.org/standards/webdesign/accessibility>. Acesso em 13 de fev. de 2021.

ACCESSIBILITY, Usability, and Inclusion.W3C/WAI: Web Accessibility Initiative, 2021. Disponível em: <https://www.w3.org/WAI/fundamentals/accessibility-usability-inclusion/>. Acesso em 13 de fev. de 2021.

INTRODUCTION to Web Accessibility. W3C/WAI: Web Accessibility Initiative, 2021. Disponível em: <https://www.w3.org/WAI/fundamentals/accessibility-intro>. Acesso em 13 de fev. de 2021.

Atualizado em Terça, 16 Fevereiro 2021 07:43
Eugênio Telles

Eugênio Telles

Eugênio Telles é publicitário pós-graduado em Marketing Digital pela ESPM-RJ, diretor executivo da GeniusDesign, empreendedor e podcaster.

Você também pode se interessar por

Somos uma agência especializada em OJS e periódicos científicos

O Peletron é um blog mantido pela GeniusDesign, agência de marketing digital e científico especializada em OJS e periódicos científicos com 14 anos de mercado e 7 dedicados à publicação científica.

Fiocruz
Revista Abralin
Sesi Sp Editora
Piticas
Nova A3
Spx Capital
Cadlin
Oculos E Cia
Memoria Da Eletricidade
Farmanguinhos
Peletron - Periódico Eletrônico

Peletron - Periódico Eletrônico

+55 . 11 . 98419-3413

CNPJ: 27.339.106/0001-70